• DA UDENAMO À FRELIMO e à diplomacia moçambicana

    O rigor histórico dos factos narrados sobre as várias etapas da luta  desde as tarefas  organizativas em Dar-es-Salaam, passando pelos centros educacionais e de treino militar na Tanzânia, com particular realce para Kongwa e Nachingwea, as acções de abastecimento e infiltração de armamento e outros meios de luta, a mobilização da população para o seu engajamento na educação e na produção, bem como o combate directo do inimigo, constituem um conjunto fascinante duma memória colectiva que consubstancia o papel dos combatentes pela liberdade, justiça e desenvolvimento de Moçambique.

    Os depoimentos que se juntam no livro são testemunho da partilha de um processo de luta, amizade e camaradagem cultivados ao longo dos vários anos de combate libertador. A luta de libertação de Moçambique fez-se em varias frentes politica, militar e diplomática. Lopes Tembe, através da sua trajectória, faz-nos recordar essa experiência multifacetada, em que a solidariedade regional e internacional teve um papel inolvidável.

    715,00 MT